Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > CANAL DA MARY > MARY EXPLICA > Mary explica: o que é dab? (feat. El Dabber Libre)

Mary explica: o que é dab? (feat. El Dabber Libre)


Espalhe a boa !
  • 318
    Shares

Cada vez mais comum entre os conoisseurs da cannabis, o termo dab ainda é novidade para a maioria da maconheiragem brazuca tão (infelizmente) restrita ao prensado paraguaio.

Em inglês, a palavra “dab” possui diversos significados como verbo e substantivo, incluindo “quantia insignificante”, “coisa mínima” e “bater/tocar levemente”. Na prática canábica, no entanto, dab refere-se ao ato de fumar óleos, haxixes e concentrados de cannabis, incluindo uma ampla variedade de butane hash oil (BHO), utilizando-se de equipamentos que permitem o total “derretimento” da substância em questão.

Geralmente são utilizados bongs de vidro equipados com ponta de titânio aquecida por meio de um maçarico. Com a peça incandescente, basta encostar uma “quantia insignificante” de óleo utilizando uma agulha,  enquanto puxa e inala o que talvez seja a fumaça com maior concentração de THC da sua vida.

Para apresentar essa novidade em solo tupiniquim, é com muita honra que aciono o sagaz El Dabber Libre, que gentilmente nos enviou esse tutorial diretamente da legalizada Califórnia. Apaixonado pela erva tanto quanto eu, ele estudou em Oaksterdam, a famosa “universidade da maconha”, e trabalha no maior dispensário de cannabis medicinal do mundo, entre outras incríveis qualificações. Munido com sua indefectível máscara de lucha libre, de vez em quando ele aparecerá por aqui com vídeos, fotos & outras informações exclusivas de um dos maiores paraísos canábicos on Earth.

Dá o play ae, aprenda como se faz e …esqueça tudo o que você já tragou! Bem-vindos ao fantástico mundo do DAB!

You may also like
Boas, baratas e discretas: conheça as melhores canetas vaporizadoras de concentrados
UFPB pretende cultivar maconha para fabricação de remédio por meio de convênio
O que é charas?
ABCDário Vaper

19 Responses

  1. Vitor

    Ah eu acho que concordo com o Rafa, deu água na boca de ver esse vídeo. Porém é a mesma vontade de um recém vegetariano vendo um pedaço de carne. Vontade eu tenho mas pelo processo químico que isso envolve eu to fora.
    Parem pra pensar nas “drogas” existentes, todas elas provocam overdose, bala mata, pó mata, crack mata, lança mata..mas a Cannabis não. E EU (repito, EU) creio que isso acontece pois tudo que o homem coloca a mão dá merda. A Cannabis em sua forma natural é incapaz de provocar algum tipo de mal a saúde, assim como a Sálvia. Creio que essas plantas são um presente de Deus para a humanidade, não entendo nada de química, mas li em um fórum que o thc presente na maconha não provoca overdose pois é muito pouco, e seria necessário fumar mais de 1 milhão de baseados muito, MUITO rapidamente para te matar, então essas “misturas” que o homem faz acaba criando uma substancia transgênica, não-natural, e ao MEU ver, poderá futuramente provocar danos à saúde se for aperfeiçoado.
    Mas cada um é dono do seu próprio nariz, porém eu prefiro um camarãozinho retirado diretamente do pé.

  2. matheus

    ahhh não publicaram meu comentário, eu achei tão observador da minha parte ter notado algo assim e vocês nem pra publicarem, to triste 🙁 hahahahaha

    1. ???? qual comentário, matheus? não consegui localizar nenhum outro comentário seu, me desculpe, mas é Carnaval e o movimento por aqui tá devagar tb, rsrsrs bjo!

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.