CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > CIÊNCIA > Start-up cria solução para personalizar maconha

Start-up cria solução para personalizar maconha


Já imaginou saber qual tipo de maconha combina mais com o seu estilo de vida e personalidade? Pois é mais ou menos essa a ideia que norteia a empresa de tecnologia Potbiotics, que se auto-intitula a “primeira companhia de biotecnologia a combinar cannabis, pesquisa, robótica e inteligência artificial”.

Através do mapeamento da “matrix dos canabinoides”, a start-up instalada em Palo Alto, na Califórnia (EUA), classifica as strains segundo as proporções dos vários compostos químicos presentes em cada uma. Os dados servem como base para três inovadores produtos lançados pela companhia. São eles:

– NanoPot: leitor de DNA para sementes, capaz de otimizar os rendimentos dos produtores;

– BrainBot: espécie de capacete de eletroencefalograma sem fio utilizado para registrar o comportamento das ondas cerebrais, ajudando a identificar as strains mais adequada para cada paciente;

– PotBot: programa interativo composto por um aplicativo móvel para orientar os clientes para o produto mais adequado às necessidades de cada um.

Voltadas ao mercado de maconha medicinal, as soluções até o momento são recomendadas às pessoas portadoras de distúrbios neurológicos, como epilepsia ou doença de Alzheimer.

Confira abaixo o vídeo de apresentação da Potbiotics e clique aqui para saber mais:

You may also like
Portugal aprova uso de maconha para fins medicinais
Combinação de radioterapia com canabinoides pode revolucionar tratamento contra o câncer
THC pode ajudar na recuperação de pacientes com anorexia nervosa
Mercado canábico emprega mais de 120 mil pessoas nos EUA

Leave a Reply