CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > MUNDO > Senado do México aprova lei que autoriza maconha medicinal

Senado do México aprova lei que autoriza maconha medicinal


O Senado do México aprovou na terça-feira, por ampla maioria, um projeto de lei que irá permitir o uso de maconha medicinal, em mais um passo rumo à legalização em um país assolado há tempos pela violência dos cartéis do tráfico de drogas.

O projeto, parte de uma proposta que o presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, submeteu ao Congresso no início deste ano, também precisa ser aprovado pela Câmara para se tornar lei.

A medida passou pelo Senado com o placar de 98 a 7.

Desde a arbitragem de um tribunal no ano passado, o governo vem permitindo a importação caso a caso de um remédio com canabidiol (CBD), um ingrediente químico ativo da maconha.

O projeto de lei foi aprovado visando a permissão do uso de produtos que contém o ingrediente psicoativo tetrahidrocanabinol (THC).

A medida também irá liberar a produção de maconha para propósitos científicos e medicinais.

“Faz anos que estamos lutando pela admissão, aprovação e reconhecimento dos usos médicos e terapêuticos da cannabis, e hoje finalmente temos algo”, disse Lisa Sanchez, diretora de políticas para drogas do México Unido Contra a Delinquência, um grupo que trabalha para reprimir o crime.

A decisão de terça-feira, porém, “não encerra o assunto”, acrescentou.

A maconha para fins recreativos ainda é amplamente proibida no México, mas em 2015 a Suprema Corte concedeu a quatro pessoas o direito de cultivar sua própria erva para consumo pessoal, abrindo as portas para a legalização.

*Fonte: Reuters, via Exame

You may also like
Fiocruz inicia plano de pesquisa para usar maconha
Deputados do Canadá aprovam legalização da maconha
Reino Unido revisará lei sobre uso medicinal da maconha
Portugal aprova uso de maconha para fins medicinais

Leave a Reply