CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > NEGÓCIOS > Califórnia estuda criação de banco estadual dedicado à indústria canábica

Califórnia estuda criação de banco estadual dedicado à indústria canábica


Após legalizar o uso recreativo da cannabis no início de 2018, a Califórnia pode estar prestes a ganhar seu próprio sistema bancário dedicado à indústria da maconha.

Embora a erva seja legalizada – para uso medicinal e/ou recreativo – em boa parte dos estados norte-americanos, o mesmo não pode se dizer da esfera federal, que segue criminalizando a planta nos Estados Unidos – e criando imbróglios jurídicos e financeiros que dificultam a vida dos empresários do ramo.

Os bancos, que operam seguindo leis federais, costumam se recusar a atender clientes do setor da cannabis, exigindo que grande parte das transações sejam feitas em dinheiro vivo. Com isso, a segurança dos empreendimentos está sempre por um triz.

Disposto a reverter tal situação, John Chiang – tesoureiro do estado e candidato democrata ao governo da Califórnia – anunciou nesta semana que avaliará a possibilidade de criar um banco estadual que atenda à indústria canábica, segundo reportagem do LA Times.

O estudo será feito em parceria com o escritório do procurador-geral do estado, com o objetivo de determinar os custos, implicações legais e outras barreiras possíveis para a criação desse novo banco estatal.

O maior risco à empreitada pode vir de Washington, mais precisamente por parte do procurador-geral Jeff Sessions, que recentemente deixou claro o seu viés proibicionista ao afirmar que o governo federal começará a cumprir as leis que proíbem a maconha em nível nacional.

You may also like
Menina de 5 anos é autorizada a levar cannabis medicinal para escola na Califórnia
Legalização das drogas renderia mais de US$ 100 bi ao ano para os EUA
Estudo aponta que descriminalização da maconha não aumenta o uso entre jovens
Vendas de maconha no Colorado somam mais de US$ 122 milhões em maio

Leave a Reply