CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > ESPORTES > NFL pretende estudar efeitos medicinais da maconha para os atletas

NFL pretende estudar efeitos medicinais da maconha para os atletas

/

Excelente aliada dos atletas, a maconha está na mira da NFL, que pretende investigar os efeitos medicinais da erva no alívio das mais diferentes dores.

Segundo reportagem do Washington Post, a entidade enviou para a Associação de Jogadores da NFL um convite para ambas participarem de uma pesquisa sobre os benefícios da cannabis no tratamento e controle de dores. A expectativa é encontrar novas formas de potencializar o restabelecimento físico dos jogadores e acelerar o processo de recuperação de lesões.

Atualmente proibido pela liga, o uso da maconha é comum entre o atletas e – não raro – resulta em punições para quem é flagrado no exame anti-doping.

Batizada de NFLPA, a associação dos atletas da liga está conduzindo uma pesquisa independente sobre os benefícios da erva em casos de dores agudas e crônicas. A entidade, no entanto, ainda não confirmou se aceita trabalhar de forma conjunta com a NFL.

“Estamos ansiosos para trabalhar com a Associação dos Jogadores em todas as questões que envolvem a saúde e segurança dos nossos atletas”, declarou Joe Lockhart, vice-presidente executivo de comunicações da NFL.

A liga que comanda o futebol americano profissional tem tornado mais maleável os testes sobre o uso de maconha. Até 2014, a detecção de 14 nanogramas (que significa um bilionésimo de grama) de THC (tetrahidrocannabinol) por mililitro de sangue ou urina era considerado como positivo para o teste. Depois, segundo a NFLPA, o limite aumentou para 35 nanogramas.

“Tivemos várias conversas sobre esse assunto e, há vários anos, buscamos uma abordagem menos punitiva para a cannabis. Esse é um dos temas no processo de negociação coletiva, que gostaríamos de começar em breve e não tardiamente”, sinalizou o comissário da NFL, Roger Goodell. A próxima ‘negociação coletiva’ citada pelo dirigente está programada para acontecer em 2020 e pode já envolver o tema.

You may also like
Federação de atletismo sugere revisão de regra sobre uso de maconha
USADA anuncia que não haverá mais punição para uso de maconha no UFC
NFL elimina punição a jogador que testar positivo para uso de maconha
Mike Tyson revela que fuma mais de R$ 150 mil de maconha por mês

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.