Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > MUNDO > Zimbábue legaliza produção de maconha com fins medicinais

Zimbábue legaliza produção de maconha com fins medicinais


Espalhe a boa !
A onda de legalização da maconha também se espalha pelo continente africano, com a recente decisão do Zimbábue de regulamentar a produção da planta com fins medicinais e científicos.

Segundo informações da agência de notícias Associated Press, o governo do Zimbábue emitiu um comunicado, através do Ministério da Saúde, informando que indivíduos e empresas já podem solicitar licenças para cultivo da erva no país.

As licenças de cinco anos renováveis permitirão que os produtores comercializem cannabis fresca e seca, assim como o respectivo óleo.

A iniciativa sinaliza uma marcante mudança na postura tradicionalmente conservadora sobre a maconha no Zimbábue.

Outras países do continente africano, como Malawi e Gana, também estão buscando maneiras de flexibilizar as leis que regem a cannabis.

No ano passado, a pequena nação do Lesoto tornou-se a primeira na África a emitir uma licença para cannabis medicinal.

A África perde apenas para as Américas em termos de produção e consumo da droga, de acordo com o Relatório Mundial sobre Drogas 2017 das Nações Unidas.

No entanto, apesar dos avanços grande parte da África ainda criminaliza a produção e o uso de maconha. O uso recreativo, por exemplo, segue proibido e sujeito a penas de até 12 anos de anos de prisão (!!!).

You may also like
Cada vez mais pacientes trocam remédios para ansiedade por maconha
Chipre legaliza uso terapêutico da maconha
Argentina aposta na produção estatal de maconha para uso terapêutico
Pesquisa de Harvard afirma que usuários de cannabis possuem mais espermatozoides

Leave a Reply