CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > ATIVISMO > ARTIGOS > Comprovado: cannabistas são mais seguros ao volante!

Comprovado: cannabistas são mais seguros ao volante!

/

Estudo internacional confirma um fato já comprovado na prática por muitos canabistas: motoristas usuários de maconha são mais seguros ao volante do que os não-usuários. Coordenada pela 4AutoInsuranceQuote.org – empresa de cotação de seguros de automóvel online – a pesquisa assinala que o único efeito negativo da maconha na direção é a maior lentidão do condutor, que tende a guiar em velocidade mais baixa – quem sabe curtindo aquela “brisa”…

Outro estudo, intitulado “Leis da Marijuana Medicinal, Acidentes de Trânsito e Consumo de Álcool”, apresentado por Mark Anderson and Daniel Rees em novembro de 2011, mostra que o maior uso de maconha entre adultos diminuiu o número de mortes provocadas pelo álcool no trânsito. “Os usuários de maconha costumam dizer que, após fumar, eles sentem que estão dirigindo a 80 km/h, mas na verdade não estão a mais de 30 km/h”, diz James Shaffer, CEO da 4AutoInsuranceQuote.org.

Veja abaixo os 10 motivos que tornam os canabistas mais seguros ao volante:

1- Motoristas sob o efeito de cannabis conduzem de forma mais devagar, de acordo com um estudo de 1983 feito pelo EUA National Highway Transportation Safety Administration (NHTSA). O fato foi considerado positivo, pois em geral consumidores de álcool tendem a dirigir mais rápido, representando a maioria dos acidentes.

2. Usuários de maconha foram capazes de dirigir em linha reta e não apresentaram qualquer dificuldade em permanecer em suas próprias faixa ao dirigir numa rodovia, de acordo com estudo da NHTSA feito em 1993 na Holanda.

3. Cannabistas são menos propensos a tentar ultrapassar os outros carros e dirigem em velocidade mais constante, segundo estudo realizado pela Universidade de Adelaide, na Austrália.

4. Usuários de cannabis também são menos propensos a dirigir de forma imprudente, afirma uma pesquisa feita em 2000 no Reino Unido pela Transport Research Lab. O estudo analisou os canabistas por um mês e confirmou que esses motoristas eram muito mais seguros do que os outros na estrada.

5. Estados norte-americanos que permitem o uso legal de maconha por razões médicas têm registrado menos fatalidades de trânsito, a exemplo de Colorado e Montana, onde houve uma queda de cerca de 95% no número de mortes no trânsito, além de queda de 5% nas vendas de cerveja e uma queda de cinco por cento nas vendas de cerveja.

6 – O uso de maconha tem pouco ou nenhum efeito sobre a capacidade de uma pessoa para dirigir um carro, mostrou que esses motoristas se envolvem muito menos em acidentes do que os consumidores de álcool.

7. Viva a boa e velha leseira! A maioria dos cannabistas se envolvem menos em acidentes simplesmente porque eles preferem ficar em casa – ou fazendo qualquer outra coisa – em vez de dirigir.

8. Dados do grupo denominado Truth About Cars mostrou que as mortes de trânsito caíram 9% nos 16 estados norte-americanos que admitem o uso legal de maconha medicinal.

9. “Um homem quando está em paz não quer guerra com ninguém”, já diria o bom e velho Charlie Brown Jr. Vários estudos comprovam que canabistas tendem a se arriscar menos do que os usuários de álcool. O efeito relaxante e calmante da cannabis é apontado como principal benefício.

10. Cannabistas foram incumbidos de cumprir um caminho determinado e se mostraram menos suscetíveis a falhas e erros durante o percurso.

Saiba mais em: http://www.4autoinsurancequote.org/uncategorized/reasons-why-marijuana-users-are-safe-drivers/

You may also like
78% dos brasileiros são favoráveis ao uso terapêutico da maconha
Estudo: toxinas na fumaça da maconha podem ser prejudiciais à saúde
Anvisa nega pedido da Unicamp para pesquisa com cultivo de maconha
Pesquisa: 70% dos canabistas não sabem o que são terpenos

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.