CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > SAÚDE > Pílula de maconha promete alívio aos mais diversos males

Pílula de maconha promete alívio aos mais diversos males

/

“Qualidade de vida em pílulas” – esse é o slogan do Idrasil, comprimido à base de cannabis lançado recentemente nos Estados Unidos. Desenvolvido pela C3 International Pacients Association, organização sem fins lucrativos localizada na Califórnia,  o produto – classificado como nutracêutico – atua como coadjuvante nos tratamentos contra os mais diversos males, desde uma simples síndrome pré-menstrual até epilepsia, câncer, mal de Parkinson, artrite e fibromialgia, entre outros.

Os efeitos prometidos são aqueles que tod0 bom canabista já conhece: alívio das dores e tensões, melhora do sono e apetite.

Pílula de maconha promete alívio aos mais diversos males

Nas palavras do fabricante, o objetivo é  “revolucionar o mercado da maconha medicinal assim como a morfina fez com o ópio há um século atrás”,  no que diz respeito a eliminar os estigmas associados à substância em questão. No caso da erva, o problema maior considerado pelos médicos é a dificuldade em controlar a dose, além dos malefícios associados ao ato de fumar. “A maioria dos dispensários oferece apenas flores e concentrados, que devem ser fumados. E, para a comunidade médica, uma forma muito mais segura de consumir os canabinóides é através da ingestão oral, daí a importância de pílulas que ofereçam a dosagem exata”, afirma Steele Clarke Smith III, presidente da C3 International.

“Tetrahydrocannabinol (THC) e cannabidiol (CBD) são os canabinóides naturais com maior prevalência, mas a cannabis contém mais de 65 tipos de canabinóides”, explica Smith III.

Segundo ele, o principal diferencial do Idrasil é oferecer um extrato da planta 100% natural.  “Por ser totalmente natural, ele  contém o espectro completo de canabinóides – e não apenas um deles, como é o caso do Marinol (dronabinol), uma forma sintética do THC”, completa.

Outra vantagem diz respeito ao controle da substância ingerida. “As plantas que utilizamos  são derivadas de uma única matriz que é clonada visando manter a integridade genética. Com a nossas técnicas de extração e processo de conversão, somos capazes de manter a coerência e padronização exigidas pelos médicos e pacientes”, explica Smith III.

You may also like
78% dos brasileiros são favoráveis ao uso terapêutico da maconha
Empresa colombiana contrata mães solteiras para a produção de maconha
Caso APEPI: Justiça ordena ação policial em fazenda de maconha para fins medicinais
Câmara: cultivo de maconha para fins terapêuticos tem parecer favorável

9 Responses

  1. Neiva Lopes

    Bom dia, tenho cancer e me falaram deste medicamento para tirar o enjoo da quimiterapia, gostaria de saber se eu for ate os Estados \Unidos comprar eu consigo e o que preciso fazer para comprar, e facil, compro em famacia ou tenho uqe ter um laudo medico e ter receita para compra-lo. Passo muito mal com a quimio, e estou propensa a ir ate la para comprar se for facil. Aguardo retorno, muito obrigada.
    Curtir · Responder · 17 de agosto de 2015 08:49

    1. Oi, Neiva!
      Infelizmente não sei detalhar os procedimentos exatos para vc conseguir comprar o remédio nos EUA, até pq as leis por lá variam muito de estado para estado. Na Califórnia, por exemplo, é preciso ter um cartão de usuário medicinal, mas parece que por US$ 100 dólares se consegue uma consulta médica para pegar tal cartão. Já no Brasil, certamente vc conseguiria autorização para importar o produto através de receita médica, mas tem todo um processo buRRocrático que chega a ser cruel nos casos mais urgentes, como parece ser o seu. Creio que nos EUA seja mais simples para conseguir.

      É contra tal maldade que lutamos, para que todas as pessoas possam ter acesso a uma planta com inúmeros benefícios medicinais e recreativos – e que faz muito menos mal do que Aspirina ou álcool. Esperamos que tal realidade mude em breve e convocamos a todos para ajudarem nessa luta, seja através do compartilhamento de informações que desmistifiquem a maconha, seja participando das Marchas e demais movimentos pró-cannabis.

      Te desejamos melhoras e pronta recuperação da saúde. Abraço!

  2. lindolfo castro pereira

    gostaria de saber compra efetuar a compra, pois tenho um leve tremor na mao esquerda foi diagnosticado o mal de parkson,

    1. Olá Lindolfo!

      Vale lembrar que só há duas maneiras de adquirir o óleo no Brasil no momento: requerendo a importação formalmente junto à Anvisa (com auxílio de médico e advogado) e produzindo de forma caseira, o que exige o cultivo da planta, que permanece ilegal. É contra essa proibição hipócrita que lutamos – a mesma que continua encarcerando milhares de pessoas simplesmente por cultivarem uma planta, enquanto tantos traficantes, ladrões e assassinos em geral permanecem soltos e sujeitos a penas de prisão muito menores do que inocentes jardineiros taxados como “traficantes”.

      Obrigada e um abraço!

  3. Paulo de Oliveira

    Como faço para conseguir comprar? já procuro na internet há um bom tempo e ninguém me responde, não tenho êxito nos contatos. PReciso saber o preço e o frete para CEP 25820160 BRASIL

    1. Oi, Paulo,

      Creio que o medicamento – assim como a planta e seus derivados – é proibido no Brasil graças a uma lei hipócrita que estamos tentando derrubar. Junte-se a nós e ao movimento de pacientes medicinais, para mais informações acesse http://www.growroom.net – lá há um cadastro de pacientes medicinais brasileiros e eles podem te dar mais informações.

      Bj e boa sorte!

  4. alex

    a riqueza esta’ em existir possibilidades, escolhas….

    Imagina so :::::…plantar, cuidar e ainda tomar uma pilula …

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.