CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > MUNDO > Descriminalização da maconha reduziu crimes, suicídios e overdoses na Califórnia

Descriminalização da maconha reduziu crimes, suicídios e overdoses na Califórnia

Excelente notícia nos chega dos Estados Unidos no momento crucial em que o Brasil está discutindo a descriminalização do porte de drogas: na Califórnia, o relaxamento das leis só trouxe benefícios para a população, sobretudo os jovens.

De acordo com recente estudo divulgado pelo Center on Juvenile and Criminal Justice (CJCJ), a descriminalização da maconha resultou na diminuição dos casos de crimes, overdoses, suicídios e abandono escolar entre adolescentes do estado.

Segundo a pesquisa, a evasão escolar reduziu 22% na Califórnia apenas dois anos após a descriminalização da posse de uma onça – cerca de 28 gramas – de cannabis, que ocorreu em 2010.

Houve ainda queda de 20% no número de mortes por overdose de drogas no estado – enquanto no restante do país o mesmo índice subiu 4% no mesmo período. Os suicídios também reduziram em 10%, assim como o número de detenções de jovens, que caiu 30%.

califfassDurante o estudo, os autores compararam  dados referentes a cinco estados que implementaram reformas nas leis canábicas nos últimos cinco anos: Califórnia, Connecticut, Massachusetts, Colorado e Washington. “Todos os cinco estados experimentaram declínios substanciais em detenções por porte de maconha.”

Os pesquisadores observaram que, na Califórnia, a descriminalização “não resultou em consequências negativas para os adolescentes, como o aumento da criminalidade, overdose de drogas, direção sob o efeito de drogas ou abandono escolar. Na verdade, os jovens do estado apresentaram melhorias em todas estas áreas de risco após a reforma”.

A conclusão do estudo afirma que os prejuízos e consequências da proibição da maconha – incluindo encarceramento, custos com prisões, julgamentos, etc – são mais prejudiciais do que o uso da erva em si. Por fim, o relatório sugere a “adoção de melhores abordagens à maconha, movendo-se em direção à legalização total”.

Clique aqui para visualizar o estudo na íntegra.

You may also like
Ex-astro da NBA investe R$ 476 milhões em empreendedores negros da indústria canábica
Califórnia está cultivando mais maconha legal do que consegue vender
Estudo: 15% dos trabalhadores usam maconha no home office
New Orleans aprova medidas para descriminalizar o uso de maconha

2 Responses

  1. Maconheiro boladão

    Matéria completamente sem noção. Não existe nenhuma relação da discriminalização das drogas com a diminuição de suicídio e overdose. Ou pelo menos não foi justificado na matéria. A diminuição desses problemas podem ser por inúmeros outros motivos que coincidiram com a liberação da maconha.

    Jornalismo 100% tendencioso!

    1. Redação Maryjuana

      Engraçado que um tipo como você – Maconheiro “Boladão” (sic) – se presta a deixar um comentário verborrágico criticando o nosso trabalho, mas pelo jeito não investiu 5 segundo para clicar no link ao final da matéria, redirecionando para o estudo original sobre o qual trata o texto. Fica a dica. Critique a fonte, não o emissário da notícia que VOCê julga tendenciosa, rs. Bjos!

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.