Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > MUNDO > Austrália defende legalização da maconha com fins terapêuticos

Austrália defende legalização da maconha com fins terapêuticos


Espalhe a boa !

A Austrália apresentou nesta quarta-feira (10) ao Parlamento um projeto de lei para legalizar o cultivo de maconha com fins terapêuticos, que o governo chamou de “peça que falta no histórico do paciente”.

A ministra da Saúde, Sussan Ley, disse que a lei, se for aprovada, permitirá o cultivo de maconha com uma licença nacional e um sistema de permissões, abrindo o caminho pela primeira vez ao fornecimento seguro, legal e sustentável da cannabis produzida localmente.

“Este é um dia importante para a Austrália e para todos aqueles que têm lutado para enfrentar o estigma ao redor dos produtos de cannabis medicinal”, afirmou Ley.

As pesquisas, entre elas os resultados publicados no ano passado no Journal of the American Medical Association, mostram que a maconha tem efeitos positivos no tratamento da dor crônica.

Mas existem dúvidas sobre os efeitos colaterais e a questão de sua eficácia continua sendo um tema polêmico a nível mundial.

O Partido Trabalhista e os Verdes, na oposição, anunciaram que apoiariam a lei, que prevê a disponibilidade da maconha apenas para os pacientes por meio de uma receita médica.

A ministra da Saúde rebateu a ideia de que a aprovação da lei significaria que a possibilidade de um uso recreativo legal da maconha estaria mais próxima.

*Fonte: AFP

You may also like
Senado e Câmara discutem regulação do uso medicinal da maconha
Cannabis medicinal X maconha dos vagabundos
Anvisa aprova proposta que pode liberar o cultivo de maconha medicinal para indústria
Empresa canadense inaugura primeira fábrica de maconha medicinal em Portugal

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.