CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > MUNDO > No Colorado, impostos da maconha serão destinados à prevenção de bullyng nas escolas

No Colorado, impostos da maconha serão destinados à prevenção de bullyng nas escolas

Primeiro estado norte-americano a autorizar a maconha recreativa, em 2014, o Colorado transformou-se num dos mais bem-sucedidos exemplos de regulamentação da erva no mundo.

Em meio ao boom do mercado canábico – com os próprios recordes de vendas sendo batidos mensalmente – o estado comprova que a legalização da maconha é um excelente negócio para todos, incluindo quem sequer consome a erva.

Muito além de usuários e empresários do setor, quem também (e principalmente) sai ganhando com a regulamentação desse mercado é a população em geral.

Educação

No Colorado, parte dos impostos gerados com as vendas de maconha recreativa possui um destino mais do que nobre: a educação.

Segundo reportagem do The Denver Channel, a receita fiscal da cannabis distribuirá milhões de dólares às escolas do estado nos próximos meses.

Prevenção ao bullyng

A distribuição da verba – cerca de US$ 66 milhões – corresponde à chamada Proposição BB, uma medida aprovada em novembro de 2015, que permite ao governo manter as receitas excedentes do mercado canábico.

E no que depender do Departamento de Educação do Colorado, uma parte do dinheiro será utilizada para combater o bullyng nas escolas do estado.

Cada escola receberá, em média, US$ 40 mil por ano para implementar ações anti-bullyng. Todo dinheiro virá dos impostos da maconha, não se esqueça!

“É uma grande oportunidade para que as escolas garantam o bem-estar social e emociona de seus alunos”, afirmou Dr. Adam Collins, coordenador de prevenção ao bullyng do Departamento de Educação do Colorado.

“Até onde eu sei, somos o único estado que está fornecendo esses fundos significativos para prevenir o bullying nas escolas,” comemorou Collins.

E alguém ainda tem a coragem de duvidar que a legalização da maconha é só benefícios?

You may also like
Suprema Corte do México descriminaliza uso recreativo de maconha
78% dos brasileiros são favoráveis ao uso terapêutico da maconha
Ministro Barroso divulga vídeo com defesa de descriminalização da maconha
Deputado francês leva baseado ao Parlamento durante debate sobre legalização da maconha

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.