Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > MEDICINAL > Uso de maconha previne cirrose hepática em portadores de hepatite C

Uso de maconha previne cirrose hepática em portadores de hepatite C


Espalhe a boa !
  • 11
    Shares
Ao que tudo indica, a maconha minimiza o risco de portadores de hepatite C desenvolverem cirrose hepática.

Pelo menos é o que sugere um estudo recente publicado pelo Canadian Journal of Gastroenterology and Hepatology, que investigou o impacto do uso de maconha na prevalência de cirrose em pessoas infectadas com o vírus HCV.

Para o estudo, os pesquisadores analisaram 188.333 registros de alta hospitalar de adultos (com idade acima de 18 anos) com diagnóstico positivo de HCV, excluindo casos de pacientes com outras causas de doença hepática crônica.

Resultados

Ao comparar usuários de cannabis a não usuários, buscou-se então medir a taxa de prevalência ajustada para cirrose hepática (e suas complicações), carcinoma e taxas de mortalidade, entre outros fatores envolvendo o atendimento hospitalar.

O estudo descobriu que usuários de maconha apresentaram redução na prevalência de cirrose hepática, além de gerarem menor custo total de assistência médica (US $ 39.642 versus US $ 45.566), em comparação com aqueles que não consomem a erva.

“Nossas descobertas sugerem que o uso de cannabis está associado a uma diminuição da incidência de cirrose hepática, mas não tem impacto na mortalidade de pacientes com HCV”, concluem os pesquisadores.

Saiba mais sobre este estudo clicando aqui.

Que tal turbinar a sua mente?

O conteúdo deste site foi criado por mentes turbinadas com café (Mary4:20)! 

SAIBA MAIS

You may also like
Trocar a fumaça pelo vapor é benéfico para portadores de DPOC
Vaporização é um dos melhores métodos para consumir CBD
Anvisa libera cultivo de maconha medicinal para associações
Canabidiol diminui agressividade, conclui estudo

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.