Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > EVENTOS > Evento em São Paulo propõe reflexão sobre uso de drogas e identidades

Evento em São Paulo propõe reflexão sobre uso de drogas e identidades


Espalhe a boa !
  • 81
    Shares
‘‘Identidades à margem: somos as drogas que usamos?” acontece neste próximo sábado (13/4) na capital paulista. 

Promovido pela Associação Brasileira Multidisciplinar de Estudos sobre Drogas (ABRAMD) e o Núcleo Psicologia e Vulnerabilidades do curso de Psicologia da PUC-SP, o evento consiste em um amplo debate sobre o uso de drogas, identidades e os efeitos nefastos do proibicionismo.

Um dos objetivos do encontro é aproximar os debates da Filosofia, Psiquiatria e Psicologia das pautas dos movimentos sociais que debatem a guerra às drogas em sua interseccionalidade.

Outros temas correlatos – como movimentos sociais, minorias políticas, violência de estado, questões raciais e de gênero – também estão na pauta.

O evento é gratuito.

Confira mais detalhes e a programação a seguir:

‘‘Identidades à margem: somos as drogas que usamos?”

Dia: 13/4/2019

Horário: 10h às 13h

Local: Auditório da na sala 117-A (Prédio novo) da PUC-SP no Campus Perdizes (R. Monte Alegre, 984 – Perdizes, São Paulo – SP)

Programação:

Mesa única (10h às 13h)

Palestrantes:

Nathalia Oliveira- Socióloga, coordenadora da Iniciativa Negra por Uma Nova Política sobre Drogas (INNPD), preside o COMUDA -SP (Conselho Municipal de Política de Álcool e Drogas de São Paulo) e integrante da Secretaria Executiva da Plataforma Brasileira de Política de Drogas como articuladora da Rede.

– Jessica Rocha – Historiadora, redutora de danos pelo projeto ResPire, mestranda em estudos culturais pela EACH/USP Leste e membra da rede nacional de feministas antiproibicionistas – RENFA.

– Júlia Bueno – Psicóloga, trabalhadora do centro de cidadania lgbtt Luís Carlos RuAs, redutora de danos pelo projeto ResPire, membra da rede nacional de feministas antiproibicionistas (RENFA), organizadora do slam marginália.

Mediador e debatedor:

– Alexandre Yamaguti – Psicólogo, mestre em Psicologia Clínica, membro da Abramd, professor de Psicologia e pesquisa o Sofrimento Masculino Contemporâneo.

Que tal turbinar a sua mente?

O conteúdo deste site foi criado por mentes turbinadas com café (Mary4:20)! 

SAIBA MAIS

 

You may also like
Veja como foi a festa do Growroom em São Paulo
Marcha da Maconha São Paulo 2019 leva milhares à ruas da capital paulista
Governo Bolsonaro é contra definir quantidade de droga para diferenciar usuário de traficante
Série de eventos internacionais debate os rumos do mercado canábico

Leave a Reply