CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > MUNDO > Governador de Nevada propõe perdão aos condenados por porte de maconha

Governador de Nevada propõe perdão aos condenados por porte de maconha


Após legalizar a posse de pequenas quantidade de cannabis, agora o estado norte-americano de Nevada deve perdoar pessoas condenadas por porte da erva.

Uma nova resolução apresentada no dia 11/6 pelo governador Steve Sisolak propõe o perdão a dezenas de milhares de pessoas flagradas com pequenas quantidade de maconha em Nevada, estado que votou pela legalização total da maconha em 2016.

Segundo informações do Chicago Tribune, Sisolak apresentará a resolução aos Comissários da Junta de Perdão de Nevada nesta semana. Se aprovada, a medida fornecerá perdão incondicional para qualquer pessoa condenada por porte de até 30 gramas de maconha.

Lembrando que, em 2016, os eleitores do estado de Nevada aprovaram uma proposta de legalização do porte de menos de 30 gramas de maconha, o que originou a estrutura reguladora para o comércio da erva.

“O povo de Nevada decidiu que o porte de pequenas quantidades de maconha não é crime”, disse Sisolak . “Se aprovada, esta resolução abrirá caminho para milhares de pessoas que carregam o estigma de uma condenação por ações que foram descriminalizadas”.

Perdão para quase todos

O gabinete do governador esclareceu que tais perdões não se aplicariam em casos de posse com intenção de venda.

Já existe um projeto de lei, assinado no ano passado por Sisolak, que permite aos infratores de maconha de pequeno porte solicitar aos tribunais que eliminem seus registros.

A nova resolução pretende remover essa etapa burocrática, perdoando-os automaticamente.

Sisolak apresentou a resolução pela primeira vez em março, em uma reunião do Conselho de Perdão.

O perdão restaura vários direitos aos condenados, incluindo o direito de votar e manter certos empregos e cargos públicos.

*Junte-se à roda do Maryjuana no Telegram e tenha acesso a conteúdos exclusivos!

You may also like
Brasileira lança incubadora e concurso para projetos canábicos inovadores
Qual a quantidade de drogas para ser considerado usuário?
Relator é favorável à proposta que regulamenta plantio de maconha com fins medicinais
Estudo: maconha melhora a qualidade de vida dos idosos

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.