Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > ESTILO DE VIDA > SEXO > Por que a maconha melhora o desempenho sexual?

Por que a maconha melhora o desempenho sexual?


Muitos de vocês já devem ter escutado sobre as propriedades benéficas da maconha no sexo. Estudos científicos diversos evidenciaram que pessoas que consomem a erva têm mais relações sexuais e melhor desempenho sexual. Mas por que isso ocorre?

Um artigo científico publicado recentemente pode esclarecer esta questão. Nele, pesquisadores europeus revisam uma série de estudos sobre maconha e sexo, apresentando um panorama dos resultados encontrados.

O estudo completo foi publicado no periódico científico Pharmacological Research.

Os efeitos

Como era de se esperar, estudos indicam que a maconha tem efeito afrodisíaco, isto é, ela atua como um estimulante sexual.

O efeito afrodisíaco ocorre em homens e mulheres – sendo mais recorrente em usuários frequentes de maconha, que consomem aproximadamente dois baseados por semana.

Além de atuar como estimulante, a maconha também pode aumentar o prazer durante a relação sexual.

Tal fenômeno é, em parte, atribuído ao aumento da percepção sensorial, principalmente ao aumento da sensibilidade ao tato.

Isto também pode explicar o grande número de pessoas que relatam relações sexuais mais satisfatórias e orgasmos de maior qualidade após o consumo da erva.

Quanto mais melhor?

Não necessariamente! Os efeitos da maconha sobre o desempenho sexual geralmente têm efeito bifásico: os efeitos benéficos aparecem em doses baixas, enquanto que doses altas podem trazer prejuízos.

Por exemplo: já foi observado que uma dose baixa de maconha (cerca de um baseado) tem efeito afrodisíaco, enquanto que doses maiores apresentam o efeito oposto.

Os pesquisadores explicam que os efeitos inibitórios da maconha sobre o desempenho sexual se devem principalmente ao retardo motor e/ou sedação observadas em altas doses.

Clique aqui para saber mais sobre sexo e cannabis.

**Por Lia Esumi, bióloga, Ms/PhD em Psicobiologia e colaboradora do Maryjuana

You may also like
Maconha para nosso bem-estar
THC pode aumentar eficácia e segurança dos opioides
Pesquisadores brasileiros estudam o efeito antidepressivo do CBD
Por que temos larica?

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.