CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > ATIVISMO > Álcool é a verdadeira “porta de entrada” para as drogas, aponta estudo

Álcool é a verdadeira “porta de entrada” para as drogas, aponta estudo


Sabe aquela lenda da “escadinha das drogas”? Que muito reaça insiste em dizer que a maconha é a “porta de entrada” para o uso de entorpecentes? Pois bem. Estudo norte-americano divulgado nesta semana comprova o que todo ser humano esclarecido já está cansado de saber: se há uma “porta de entrada” para o uso de drogas pesadas, ela está localizada na garrafa de bebida alcóolica mais próxima.

Pesquisa norte-americana comprova o que toda pessoa esclarecida já sabe: cigarro e álcool são as verdadeiras “portas de entrada” para o uso de drogas.

A pesquisa envolveu mais de 14.500 alunos do ensino médio de 120 escolas dos Estados Unidos. Com o título “Monitoring the Future” (Monitorando o Futuro, em tradução literal), o estudo avaliou o uso de maconha, cocaína, heroína, LSD, anfetaminas e tranquilizantes, entre outros narcóticos.”Estas descobertas nos permitem afirmar com mais credibilidade o fato de que o álcool é a verdadeira porta de entrada para o uso de outras substâncias”, afirma Adam Barry, professor e pesquisador na Faculdade de Saúde e Performance Humana da Universidade da Flórida.

O artigo médico divulgado afirma que 71% dos jovens de até 17 anos já consumiram álcool, enquanto cerca de 44% já experimentaram maconha e 6% utilizaram cocaína. “Ao reconhecer o papel crucial do álcool, buscando retardar o início do seu uso, professores e dirigentes da saúde pública podem se preparar para evitar a progressão do consumo entre os jovens. Quanto mais se adiar o uso do álcool, mais se retardará também a busca por outras drogas “, analisa Barry.

Além disso, o estudo mostrou que os alunos que usaram álcool apresentaram até 16 vezes mais chance de usar outras drogas lícitas ou ilícitas. “O consumo de drogas normalmente começa com as que são socialmente aceitas, como álcool e cigarros, para só então evoluir para o uso de maconha e, finalmente, para outras substâncias mais pesadas”, resume Barry.

 

You may also like
Ciência conclui que é melhor transar chapado do que bêbado
“Chuva de maconha”: drones distribuem cannabis em Israel
Momento Poesia Canábica: Beto e Larica
10 rolês onde só um vaporizador de ervas pode te salvar

3 Responses

  1. Morraye/Belga(Raphael)

    Muito bom mary! =D…divulgarei estas informações para pessoas que ainda são contra as drogas ilícitas e que desproveem de informações confiáveis achando que o alcool é a droga menos danosa para o corpo e a maconha é a porta de entrada para drogas mais pesadas…até hoje não me conformo com a criminalização da maconha!

    1. É isso ae, Morraye!! Tá na hora de desmistificar esse assunto! Divulgue e nos ajude nessa guerra contra o preconceito! Legaliza gan-JAH! E volte sempre! Bjos!!

  2. Pingback : Estudo aponta álcool como causador do efeito “porta de entrada” | Revista semSemente

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.