Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > EVENTOS > Exposição inédita em São Paulo apresentará a história da maconha

Exposição inédita em São Paulo apresentará a história da maconha


Espalhe a boa !

Traçar o panorama da história da maconha, incluindo seus mais diversos usos tradicionais e contemporâneos, é o objetivo de uma mostra cultural inédita que está prestes a entrar em cartaz em São Paulo. Através de uma parceria entre a Matilha Cultural e o Hash Marihuana & Hemp Museum, que possui unidades em Amsterdã e Barcelona, chega, pela primeira vez à América Latina, a mostra multimídia “A História da Cannabis: Uma Planta Proibida”. A mostra abre no dia 14 de maio, a partir das 19h e terá acesso restrito à maiores de 18 anos.

O projeto envolve exposição artística e documental sobre a canábis, com seleção de ilustrações, fotos e objetos da coleção do célebre museu, que tive o prazer de conhecer durante a épica MaryJuana Trip 2012 em Amsterdã (clique aqui pra ver o que eu achei por lá).

Esta é a primeira vez que o Hash Marihuana & Hemp Museum cede parte de seu acervo para um evento fora da Europa. A exposição na capital paulista será composta por itens históricos e modernos: embalagens antigas e receitas de remédios a base de maconha do século 19, instrumentos tradicionais para processar a fibra de cânhamo, livros raros dos anos 50, cordas de cânhamo, têxteis antigos e novos e bioplástico de alta tecnologia produzido com fibra de cânhamo. Nenhum objeto contém THC, princípio ativo encontrado em flores e plantas de maconha e toda a importação foi feita de acordo com as exigências da Receita Federal.

“O objetivo do museu é informar as pessoas sobre a importância do cânhamo e da maconha, não apenas nos coffeeshops de Amsterdam, mas como um fenômeno natural e cultural que se manifesta ao redor do mundo. Estamos muito felizes em ter esta oportunidade de expor os trabalhos da nossa coleção ao público da América Latina e ajudar a educá-los sobre o passado, presente e futuro dessa planta excepcional”, afirma Ben Dronkers, fundador do Hash Marihuana & Hemp Museum e do Sensi Seeds (o mais antigo e um dos maiores bancos de sementes de maconha da Europa).

Clique aqui para acessar o link do evento no Facebook. 

You may also like
Evento em São Paulo propõe reflexão sobre uso de drogas e identidades
Governo Bolsonaro é contra definir quantidade de droga para diferenciar usuário de traficante
Juíza se antecipa ao Supremo e declara inconstitucional artigo 28 da Lei de Drogas
Prefeitura de SP quer aplicar multa em quem estiver fumando maconha nas ruas

Leave a Reply