CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > ENTRETENIMENTO > VARIEDADES > Bong, seda ou pipe: pesquisa investigou a preferência dos maconheiros

Bong, seda ou pipe: pesquisa investigou a preferência dos maconheiros

Com cada vez mais opções de sedas, bongs e vaporizadores no mercado, surge a dúvida: qual será o método de consumo de maconha preferido dos usuários?

Para elucidar tal questão, os pesquisadores do U.S. Center for Disease Control e da Emory University avaliaram questionários aplicados em milhares de pessoas acima de 18 anos. Além da forma de administração da erva, o estudo também investigou as razões que levam ao consumo da planta (medicinais e/ou recreativas).

Na hora de fazer a cabeça, os estadunidenses preferem os cachimbos – seguidos pelos tradicionais baseados, que ficaram em segundo lugar com uma diferença mínima de 0,3%.

FullSizeRender (4)

Segundo o levantamento, 7,2% dos entrevistados relataram uso atual da erva, enquanto 34,5% a utilizavam desde sempre.  Entre os usuários, 10,5% afirmaram fazer uso exclusivamente medicinal, enquanto para 53,4% os fins são apenas recreativos e, para outros 36,1%, ambos.

Já os cachimbos predominaram entre os métodos preferidos para consumir a cannabis, com 49,5%. Perdendo por pouco (49,2), os baseados ficaram em segundo lugar, seguidos pelos bongs, water pipes e narguilés (21,7%), blunts (20,3%), comestíveis/bebidas (16,1%) e vaporizadores (7,6%).

Clique aqui para acessar o estudo na íntegra.

You may also like
Ex-astro da NBA investe R$ 476 milhões em empreendedores negros da indústria canábica
Califórnia está cultivando mais maconha legal do que consegue vender
Estudo: 15% dos trabalhadores usam maconha no home office
New Orleans aprova medidas para descriminalizar o uso de maconha

1 Response

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.