CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > BRASIL > Projeto de lei de Paulo Teixeira propõe regulamentação da cannabis no Brasil

Projeto de lei de Paulo Teixeira propõe regulamentação da cannabis no Brasil

Segundo o deputado federal, o PL disciplina o controle, a fiscalização, o uso medicinal e pessoal, além da produção industrial do cânhamo.

O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) apresentou o Projeto de Lei 10549/2018, com o objetivo de obter a regulamentação da cannabis para uso medicinal e para uso pessoal. “A ideia é seguir a tendência internacional, inspirada em experiências bem-sucedidas, como ocorreu no Uruguai, EspanhaPortugal e algumas localidades dos Estados Unidos, por exemplo”.

Segundo o deputado, o PL disciplina não só o controle, com a fiscalização. “Em primeiro, regulamento o uso medicinal, pois existem uma série de doenças, que, comprovadamente, obtêm significativas melhoras com o a utilização da cannabis. Além disso, regulamenta o uso pessoal e industrial do cânhamo”, explica.

Teixeira revela que seu PL também regulamenta a produção e o autocultivo por meio de cooperativas. “Também propõe a fiscalização e a distinção entre usuários e traficantes, utilizando o critério objetivo que é quantidade durante o período de dez dias. Isso tira um pouco da subjetividade da lei atual”.

O deputado revela que o próximo passo do projeto de lei é ser debatido na Câmara. “Por ser um ano eleitoral deverá ser votado após as eleições de outubro”. Teixeira lembra, também, que há outro PL semelhante tramitando na Câmara, de autoria do deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ).

*Fonte: Revista Fórum

You may also like
Tailândia vai distribuir 1 milhão de mudas de maconha para a população
Engenheiro de MG planta cannabis para desenvolver tecido de maconha
O que acontece quando alguém é preso por tráfico de drogas?
Estudo brasileiro aponta relação entre uso recreativo de maconha e qualidade de vida

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.