CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > VAPER > SAÚDE & BEM-ESTAR > Vaporização de canabinoides ajuda a aliviar sintomas da osteoartrite

Vaporização de canabinoides ajuda a aliviar sintomas da osteoartrite

Em busca de alívio para os sintomas da osteoartrite, pacientes norte-americanos cada vez mais apostam na vaporização de extratos ricos em canabidiol (CBD).

Com a crescente legalização da cannabis nos Estados Unidos, portadores das mais diversas enfermidades estão – finalmente! – tendo a justa chance de se beneficiarem com as propriedades terapêuticas da planta.

Pelo menos é o que sugere um artigo publicado na revista Arthritis Today, que avaliou o uso de maconha entre pacientes com osteoartrite, doença que afeta até 20% da população norte-americana – algo em torno de 50 milhões de pessoas.

Embora existam poucos estudos sobre o uso da erva para alívio da dor da osteoartrite nos EUA, há evidências de que o sistema endocanabinoide interage muito bem ao THC e CBD, conforme explicam os pesquisadores:

“Há várias décadas, cientistas descobriram que os mamíferos – incluindo humanos – possuem um sistema de regulação da dor (o sistema endocanabinoide) com receptores no tecido do sistema nervoso, células imunes e tecidos ósseos e articulares. Esses receptores respondem aos canabinoides, um conjunto de compostos que incluem endocanabinoides, que o corpo cria sozinho; e fito-canabinoides, compostos à base de plantas encontrados na maconha e que são muito semelhantes aos endocanabinoides.”

Evidências científicas

O artigo também faz referência a quatro diferentes ensaios clínicos randomizados envolvendo placebos. Em 2011, o British Journal of Clinical Pharmacology revisou outras 18 pesquisas semelhantes e determinou que cepas de maconha fumadas, vaporizadas, topicamente aplicadas, comestíveis e até mesmo sintéticas proporcionam alívio das dores crônicas, sem causarem efeitos colaterais negativos mensuráveis.

É vape de qualidade que você procura?

Adquira os melhores vaporizadores de ervas do mundo diretamente com o fabricante!

EU QUERO

 

A erva mostrou-se  muito promissora no tratamento da osteoartrite. “As articulações têm um complexo sistema endocanabinoide e são capazes de produzir seus próprios endocanabinoides. Mas, com a presença da doença, essas substâncias são quebradas muito rapidamente, então elas não podem ajudar com as dores nas juntas”, declarou Jason J. McDougall, PhD e professor associado dos departamentos de farmacologia e anestesia da Universidade de Dalhousie, no Canadá.

Durante uma pesquisa ainda não publicada, McDougall e seus colegas descobriram que, ao bloquear certas enzimas ou injetar canabinoides na articulação, a sensibilidade e a dor são reduzidas, levando os cientistas a especularem que tratamentos com cannabis representam uma nova esperança para quem sofre com a osteoartrite.

Vaporizar CBD ajuda a combater as dores da osteoartrite

Vaporizar cepas de cannabis ricas em canabidiol (CBD) – ou extratos feitos a partir destas flores – parece ser um dos métodos de consumo mais eficazes na hora de combater as dores causadas pela osteoartrite. Além disso, também existem indícios de que a vaporização intensifica os efeitos dos canabinoides.

Também no Canadá, o estudo intitulado CAPRI (Cannabinoid Profile Investigation of Vapourized Cannabis in Patients with Osteoarthritis of the Knee) está medindo e comparando seis diferentes variedades de cannabis consumidas por portadores de osteoartrite nos joelhos através de um vaporizador de mesa.

Conduzido por pesquisadores das universidades McGill e Dalhousie, o levantamento busca avaliar os efeitos de diferentes dosagens de THC e CBD, além de suas possíveis vantagens (e/ou desvantagens), nestes pacientes. Os resultados serão divulgados apenas em meados de 2019.

As strains ricas em canabidiol (CBD) produzem uma série de benefícios à saúde e, de quebra, não provocam a “chapação” típica do THC. Dessa forma, é compreensível que cada vez mais portadores de artrite busquem o CBD para auxiliar no controle dos sintomas da doença, evitando os efeitos colaterais psicotrópicos.

Para completar, também existem evidências de que a vaporização consiste em um dos melhores métodos para consumir CBD, devido a rapidez, eficácia e maior biodisponibilidade do canabinoide no organismo (se comparado à ingestão).

Clique aqui para saber mais a respeito.

You may also like
Mercado de CBD vê ameaça após decisão do STJ sobre rol da ANS
Estudo brasileiro demonstra eficácia da cannabis contra superbactérias
Maconha pode ser alternativa para tratar artrite e dor nas costas
Estudo aponta que maconha reduz a dor, mas piora o autocuidado

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.