CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > SAÚDE > Canabinoides revertem efeitos do estresse nas funções neurocognitivas

Canabinoides revertem efeitos do estresse nas funções neurocognitivas

Engana-se quem (ainda) pensa que a maconha prejudica o desempenho intelectual de alguém. Pelo contrário: os canabinoides presentes na erva são capazes de reverter os efeitos do estresse na performance neurocognitiva de jovens no início da fase adulta, segundo afirma um novo estudo conduzido por pesquisadores da Universidade de Haifa, em Israel.

“O estresse precoce aumenta significativamente a predisposição para psicopatologias”, atesta o resumo do estudo, publicado na revista Learning & Memory. “Aqui nós examinamos se os canabinoides administrados durante o final da adolescência (considerando seres humanos com idades entre 18-25) poderia reverter os efeitos nefastos a longo prazo do estresse precoce sobre a função cognitiva na vida adulta.”

Realizados em ratos, os testes mostraram que tanto os machos como as fêmeas com estresse precoce apresentaram “memória de curto prazo, localização espacial e tarefas de reconhecimento social prejudicadas na vida adulta”.

A administração de canabinoides durante a adolescência tardia, no entanto, “impediu essas deficiências induzidas pelo estresse e reduziu os níveis de ansiedade”.

O estudo conclui que o sistema endocanabinoide desempenha um “um papel crucial nos efeitos do estresse precoce sobre o comportamento na idade adulta”.

Clique aqui para saber mais sobre maconha e estresse.

You may also like
Uso diário de CBD atenua sintomas do autismo, aponta estudo brasileiro
Interromper uso de maconha pode melhorar a memória em 1 semana, diz pesquisa
THC auxilia no tratamento da agitação em pacientes com Alzheimer
Cannabis auxilia no tratamento de Parkinson e distúrbios do movimento

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.