CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > VAPER > CULT > Vaporizadores já são mais comuns do que cigarros entre militares dos EUA

Vaporizadores já são mais comuns do que cigarros entre militares dos EUA

/

A cultura vaper segue se firmando como uma das maiores tendências da atualidade, conquistando adeptos em todo o planeta – incluindo os militares americanos. 

Mais vapor, menos fumaça. Assim tem sido a realidade dos integrantes das Forças Armadas dos Estados Unidos, conforme aponta um recente estudo que analisou a prevalência do uso de cigarros (eletrônicos e convencionais) entre militares.

De acordo com os resultados divulgados pela Navy Times, o tabagismo no exército americano caiu a níveis abaixo dos da população em geral – graças aos vaporizadores, claro!

Em 2015, por exemplo, 7,4% dos militares fumavam, em comparação com 12,9% da população adulta do país. O consumo ocasional de cigarros caiu pela metade desde 2011, passando de 24% para 13,9%.

Ao mesmo tempo, o uso de vapes cresce cada vez mais entre os membros do serviço militar. Ao todo, 11,1% dos militares vaporizam diariamente, enquanto 12,4% relataram uso ocasional. Isso significa que mais de 20% dos membros do exército americano preferem o vapor à fumaça.

Além disso, entre os fuzileiros navais a taxa de uso de vapes é ainda maior, correspondendo a 16,1%. Até mesmo na Marinha dos EUA, que proibiu o uso de cigarros eletrônicos, 14,5% dos membros relatam utilizá-los regularmente.

Clique aqui para saber por que vale a pena trocar qualquer fumaça pelo vapor hoje mesmo!

Adquira os melhores vaporizadores de ervas do mundo diretamente com o fabricante!

You may also like
Maconha grátis para quem já se vacinou contra Covid-19 em NY
Colorado ultrapassa US$ 10 bilhões em vendas de maconha
Nova York aprova projeto de legalização da maconha
ONG oferece maconha a quem se vacinar contra a Covid-19 nos EUA

2 Responses

  1. derviche420

    bacana.
    mas e aquela reportagem (a 2a alias) q o bestiario mais querido do domingo brasileiro aka cansastico/fantastico exibiu?
    se puderem e quiserem rebater as investidas. tamus ae

    1. Redação Maryjuana

      Prezado Tarso,

      Não acompanhamos a Rede Globo, portanto, não sabemos a qual reportagem você está se referindo.

      Obrigada!

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.