CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > MAIS LIDAS > Reparação histórica: Illinois elimina condenações por maconha

Reparação histórica: Illinois elimina condenações por maconha


Illinois fechou o ano de 2020 com chave de ouro ao eliminar quase meio milhão de condenações e registros de prisões por crimes relacionados à maconha.

Após legalizar o uso recreativo de maconha em 2019, o estado norte-americano de Illinois dá sequência ao processo de eliminação dos registros criminais ligados à erva, em uma exemplar demonstração de reparação histórica.

Segundo o jornal Chicago Suntimes, o governador democrata JB Pritzker emitiu na semana passada milhares de indultos para condenações por cannabis de baixo nível e eliminou quase meio milhão de registros de prisões por cannabis.

Ao todo, o estado concedeu indultos para 9.129 registros de condenação por maconha de baixo nível. Todos estes registros de prisão já foram eliminados dos arquivos da Polícia do Estado de Illinois.

“Em todo o estado, os cidadãos somam centenas de milhares de registros de baixo nível relacionados à cannabis, um fardo desproporcionalmente suportado por comunidades de cor”, declarou Pritzker em comunicado.

“Nunca seremos capazes de remediar totalmente a profundidade desse dano. Mas podemos governar com a coragem de admitir os erros do nosso passado – e a decência de definir um caminho melhor.”

A Lei de Regulamentação e Tributação da Cannabis, que Pritzker assinou em 31 de maio de 2019, determina que 47.000 registros de detenções relacionadas à cannabis feitos entre 2013 e 2019 sejam eliminados até 1º de janeiro de 2021.

Mais de 20.000 condenações por maconha também foram perdoadas de acordo com essa norma.

A exclusão de todos os 492.192 registros de apreensão de maconha às vésperas do Ano Novo significa que o governo concluiu o processo de eliminação automática quatro anos antes; seu prazo legal é 1º de janeiro de 2025.

Embora eliminação tenha sido concluída na esfera estadual, o processo continua na maioria dos 102 condados do estado.

Reparação histórica

“À medida que chegamos ao fim do primeiro ano da nova indústria legal de cannabis de Illinois, estou animado com o progresso que fizemos para desfazer os danos causados ​​pela fracassada guerra às drogas”, disse Toi Hutchinson, conselheiro sênior do governador do estado.

“Estamos há um ano no que será um esforço contínuo para corrigir erros históricos. O governo segue comprometido em trabalhar com os legisladores para enfrentar quaisquer desafios à equidade e construir uma indústria que reinveste nas comunidades do nosso estado. ”

Hutchinson acrescentou que nenhum dos outros 11 estados que legalizaram a cannabis recreativa deu o passo que Illinois deu, removendo registros de prisões de baixo nível e não violentas por cannabis.

A senadora estadual líder da maioria, Kimberly Lightford, aplaudiu a atitude, mas disse que este é apenas um pequeno passo à frente.

“Desmontar décadas de atrocidades na justiça criminal levará anos. Isso é evidenciado pela forma como este país lida com a cannabis ”, disse Lightford. “Nunca devemos parar de descascar essa história dolorosa. Estou orgulhosa desses primeiros passos críticos. ”

*Junte-se à roda do Maryjuana no Telegram.
You may also like
ONG oferece maconha a quem se vacinar contra a Covid-19 nos EUA
México regulamenta uso terapêutico da maconha
Ebook gratuito orienta cultivadores de maconha sobre lei de drogas
Jay-Z lança marca de maconha de luxo, com baseado de R$ 255

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.