CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > BRASIL > Mais um produto medicinal à base de cannabis é aprovado pela Anvisa

Mais um produto medicinal à base de cannabis é aprovado pela Anvisa

O medicamento é o 15º permitido no Brasil. Remédio será fabricado no Canadá e poderá ser comercializado, com receita médica, em farmácias e drogarias.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, nesta segunda-feira (25), a importação de um novo produto medicinal à base de Cannabis, o Canabidiol Active Pharmaceutical.

O medicamento poderá ser comercializado em farmácias e drogarias, com prescrição médica, por meio de receita do tipo B, que tem cor azul.

Este é o 15º produto à base de canabidiol aprovado para fins medicinais no Brasil. O produto, que será fabricado no Canadá é uma solução de uso oral com concentração de 20 mg/mL de canabidiol (CBD), com até 0,2% de tetraidrocanabinol (THC).

A medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) . A entrega do produto deverá ser feita pelo farmacêutico.

Veja quais são os 15 remédios à base de Canabidiol aprovados pela Anvisa

Dos 15 produtos aprovados pela Anvisa, cinco  são à base de extratos de cannabis sativa  e 10 são  do fitofármaco canabidiol.

Veja lista abaixo: 

  • Canabidiol Active Pharmaceutical (20 mg/ml);
  • Canabidiol Prati-Donaduzzi (20 mg/ml; 50 mg/ml e 200 mg/ml);
  • Canabidiol NuNature (17,18 mg/ml);
  • Canabidiol NuNature (34,36 mg/ml);
  • Canabidiol Farmanguinhos (200 mg/ml);
  • Canabidiol Verdemed (50 mg/ml);
  • Canabidiol Belcher (150 mg/ml);
  • Canabidiol Aura Pharma (50 mg/ml);
  • Canabidiol Greencare (23,75 mg/ml);
  • Canabidiol Verdemed (23,75 mg/ml);
  • Extrato de Cannabis sativa Promediol (200 mg/ml);
  • Extrato de Cannabis sativa Zion Medpharma (200 mg/ml);
  • Extrato de Cannabis sativa Alafiamed  (200 mg/mL);
  • Extrato de Cannabis sativa Greencare  (79,14 mg/ml); e
  • Extrato de Cannabis sativa Ease Labs (79,14 mg/ml).

O canabidiol e o tetra-hidrocanabinol estão entre os produtos derivados da maconha. O cultivo da planta em território brasileiro é proibido. Quem descumpre a determinação pode responder pelo crime de tráfico de drogas.

A importação de medicamentos à base de canabidiol está liberada no Brasil desde 2015. Os remédios são usados no tratamento de dezenas de doenças, como artrite, epilepsia, esclerose múltipla e mal de parkinson, além de ser utilizado para aliviar dores crônicas ou causada por cânceres. Os medicamentos só podem ser fornecidos com receita médica.

*Fonte: G1

**Junte-se à roda do Maryjuana no Telegram.

1 Response

  1. Régis Moisés

    como pode liberar remedios só pra ricos, o pobre como eu, não tem salario o salario é de passa fome, como vou comprar um remedio de 2000 reais si ganho menos, estes politicos ladrões da nação já tinha que ter liberado o plantio fazer em casa é 90% mais barato ai eu do conta de tomar o canabidiol ponto final

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.