Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > BRASIL > Mais da metade dos brasileiros aprova legalização da maconha medicinal

Mais da metade dos brasileiros aprova legalização da maconha medicinal


Espalhe a boa !

Vai ter muito coxinha contestando esses dados, mas eis que – finalmente! – começam a surgir as primeiras pesquisas que comprovam a aprovação dos brasileiros em relação à maconha. É o caso desse levantamento recente feito pela Expertise, empresa especializada em inteligência  de mercado com sede em Belo Horizonte (MG), que atesta: 57% dos brasileiros são a favor da legalização da maconha para fins medicinais, contra 37% que não apoiam a ideia. Além disso, 26% da população diz que já experimentou a erva e 4%  dizem fumá-la diariamente, enquanto 74% juram que são caretas por natureza e nunca fumaram.

expertise

A coleta de dados foi feita pela internet através da plataforma Heap Up e envolveu 1.259 pessoas de todas as regiões do país, de 18 a 55 anos. Além das perguntas sobre uso, fins e perigos à saúde, a pesquisa enveredou pelo âmbito familiar da questão.  Seis em em cada dez entrevistados afirmaram ter parentes e/ou amigos próximos que fumam maconha. Entretanto, se descobrissem que o filho (a) fuma, mais da metade orientaria a parar – e apenas 5% se mostraram indiferentes (ou coerentes) e não os proibiriam de usar. 

Falando em saúde,o estudo propôs algumas comparações com outras substâncias lícitas – e aí se descortina toda a ignorância causada por anos de proibicionismo: 78%dos entrevistados consideram a maconha tão ou MAIS prejudicial que as bebidas alcoólicas e 74% afirmam que ela é tão ou mais nociva do que o cigarro – o que contraria algumas das mais recentes pesquisas na área e escancara o nível geral de desinformação sobre o tema. 

Christian Reed, um dos responsáveis pela pesquisa, diz que um dos pontos que mais chamou sua atenção nos resultados foi a diferença das respostas entre quem já fumou e quem nunca experimentou a maconha. “Fica claro que as opiniões são muito divergentes e que o assunto ainda é polêmico. Não há um consenso entre a população, o que só comprova que está mais do que na hora de se iniciar um amplo debate sobre o tema”, aponta. Ouça a entrevista completa que Reed concedeu à Rádio CBN clicando aqui. 

Então bora estudar e se informar para provar aos caretas que maconha é só benefício!

Clique aqui para ver a pesquisa completa. 

You may also like
Câmara cria comissão especial para discutir regulamentação da maconha medicinal
Sugestão popular para regulamentar uso terapêutico da maconha vira projeto de lei
Canberra se torna a primeira cidade da Austrália a legalizar maconha
CDH deve votar regulamentação do uso terapêutico da maconha nesta quinta

1 Response

  1. Luis Henrique Santos do Espírito Santo

    Justo seria que o álcool e o cigarro TB fosse proibido aí seria justo para todos

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.