Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > ESPORTES > Cannabis & atividade física, um par mais do que perfeito

Cannabis & atividade física, um par mais do que perfeito


Espalhe a boa !
Levantamento feito no estado americano do Colorado aponta que mais de 80% dos usuários de cannabis consomem a erva antes e depois da prática de atividade física.

Não é de hoje que o Maryjuana dedica-se a propagar os benefícios da cannabis para os atletas profissionais, amadores & entusiastas. Agora, a ciência tem avançado no sentido de comprovar nossas experiências e teses.

E, sim, parece que maconha e atividades físicas possuem muita coisa em comum, a começar pelo fato de muitos atletas (ou aspirantes a) fazerem uso da erva, tanto no pré como no pós-treino.

Tal fato foi constatado por uma recente pesquisa da Universidade do Colorado em Boulder (local onde o uso de cannabis com fins recreativos é permitido desde 2014). Segundo o levantamento, 82% dos canabistas têm o hábito de combinar o consumo de cannabis com a prática de exercícios físicos.

A despeito do estereótipo ultrapassado do “maconheiro preguiçoso”, o fato é que a erva parece tornar as coisas mais divertidas e toleráveis, incluindo a sua ida à academia.

Estudo sugere que a maconha remove barreiras à prática de atividade física

Realizada por uma equipe de cientistas do Departamento de Psicologia e Neurociência e do Instituto de Ciência Cognitiva da Universidade do Colorado, a pesquisa publicada na revista Frontiers in Public Health contou com a participação de 600 adultos consumidores regulares de cannabis, todos moradores de estados norte-americanos que já legalizaram a erva.

Ao todo, 82% dos participantes declararam ter o hábito de usar maconha uma hora antes ou até quatro horas depois dos exercícios. Desses, 70% afirmaram fazer isso para aumentar o prazer na hora de treinar, sendo que 67% faz uso de cannabis antes & depois dos treinos.

Uma parcela ainda maior dos atletas – 78% – disse que a erva também auxilia na recuperação pós-treino. E cerca de 50% disse ainda que a cannabis aumenta a motivação para os esportes.

Este estudo não mediu questões relacionadas à performance, mas aferiu que apenas 38% dos usuários ​​disseram que o uso de cannabis aumenta o desempenho nos treinos.

“Há um estereótipo de que o uso de cannabis leva as pessoas a serem preguiçosas e sedentárias, mas tais dados sugerem que esse não é o caso”, escreveu a autora sênior Angela Bryan, professora do Departamento de Psicologia e Neurociência e do Instituto de Ciência Cognitiva.

Evidências por toda parte

Embora existam pouquíssimos estudos sobre as relações entre cannabis X atividades físicas, o que não faltam são evidências que corroboram os achados da pesquisa feita pela UC Boulder.

Já é comprovado cientificamente que alguns dos canabinoides presentes na planta, como o THC e o CBD, podem bloquear os receptores da dor. Existem também muitas evidências científicas sobre as propriedades anti-inflamatórias dos canabinoides, o que certamente auxilia na recuperação pós-treino.

Tais conexões levam os cientistas a supor que o uso de cannabis pode ajudar os indivíduos a se exercitarem mais à medida que envelhecem. “Se a cannabis puder aliviar a dor e a inflamação, ajudando os mais velhos a serem mais ativos, isso seria mais um benefício”, declarou Angela Bryan.

Que tal turbinar a sua mente?

O conteúdo deste site foi criado por mentes turbinadas com café (Mary4:20)! 

SAIBA MAIS

 

You may also like
Denver é a primeira cidade dos EUA a descriminalizar uso de cogumelos alucinógenos
Rede de fast food lançará hambúrguer com CBD em comemoração ao Dia da Maconha
Em Londres, academia de ginástica investe em aulas de alongamento turbinadas com CBD
Será que maconha emagrece? Esse novo estudo leva a crer que sim!

Leave a Reply