CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > NOTÍCIAS > CURIOSIDADES > 6 dicas importantes sobre o uso de solventes em extrações canábicas

6 dicas importantes sobre o uso de solventes em extrações canábicas


Confira seis pontos importantes sobre as extrações canábicas feitas com o uso de solventes.

Os concentrados e extrações canábicas já são o presente da indústria da maconha.

A popularidade desse tipo de produto tende a aumentar cada vez mais, na medida em que ocorre a ampliação dos mercados e o desenvolvimento de novas tecnologias.

Isso acontece porque o objetivo de se concentrar os componentes da cannabis é tornar a experiência mais consistente e ter a possibilidade de fracionar os produtos de forma mais homogênea.

Além disso, as extrações possibilitam aumentar a validade dos produtos de cannabis, uma vez que a flor é perecível e seus componentes extremamente sensíveis ao tempo, temperatura e armazenamento.

É imprescindível levar outros fatores em consideração quando se trata de escolher um produto de cannabis para consumo, seja ele no caso de uma doença ou para consumo de estilo de vida.

Confira a seguir 6 dicas sobre o uso de solventes em extrações de cannabis:

1- Qualidade da matéria-prima

Para obter um bom resultado em qualquer tipo de extração , o mais importante é ter uma matéria prima boa.

Se a flor da cannabis utilizada não for de boa qualidade, quando concentrada a extração também não terá uma boa qualidade. 

2 – Todo método é válido

Não existe um método ou solvente melhor que o outro, tudo vai depender do objetivo da extração e do produto desejado.

3 – Derrube os mitos

Usar solventes da forma correta e com segurança não é necessariamente ruim. os solventes só são um meio. Eles não são consumidos no produto final.

Quando analisamos um certificado de análise de um produto feito com Butano, por exemplo, a quantidade de butano residual que vai ser consumido no produto é menor do que o butano consumido  quando se acende um cigarro com um isqueiro. 

4 – Qualidade – e quantidade – importam

“Dar um dab” ou consumir produtos das extrações com solventes não é ruim para saúde, mas consumir uma grande quantidade de produto concentrado pode sim ser ruim e causar efeitos colaterais indesejados.

Consumir produtos de baixa qualidade também é ruim porque quanto mais lipídeos e ceras tiver no concentrado, mais calor vai ser necessário para consumir o THC.

5 -Tolerância

Produtos dabbable podem aumentar muito a tolerância do organismo por isso é importante consumir produtos que tenham uma quantidade importante de terpenos para evitar esse aumento.

Fazendo uma analogia com o café, quando se consome café de qualidade com outros componentes para além da cafeína pura, esse café pode ter o efeito de gerar menos tolerância.  

6 – Tecnologias

O maquinário utilizado nos processos de extração da cannabis são emprestados de indústrias consagradas, como a de fragrância, sabores, petroquímica e do café.

Como, por exemplo, quando destilamos o CBD ou THC é usado o mesmo sistema de fazer café descafeinado.

Com o movimento de legalização mundial, cada vez mais as tecnologias das extrações vão se inovando e novas técnicas vão sendo criadas para entregar ao consumidor produtos de alta qualidade que buscam como resultado o perfil químico mais próximo ao das flores de cannabis.

Para saber mais sobre extrações canábicas, não deixe de adquirir gratuitamente a cartilha “Como escolher seu óleo de cannabis?”, com informações essenciais para se ter segurança e qualidade e servem para escolher qualquer produto de cannabis em qualquer lugar do mundo.

*Por Luna Vargas, antropóloga e pesquisadora, trabalha como educadora de cannabis no mercado legalizado do Canadá. 

**Junte-se à roda do Maryjuana no Telegram e tenha acesso a conteúdos exclusivos!

You may also like
Pesquisa: 70% dos canabistas não sabem o que são terpenos
Extrações de cannabis com solventes: tudo o que você sempre quis saber!
GRHS abre inscrições para curso de culinária canábica
Growroom lança nova edição do curso de cultivo caseiro de cannabis

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.