CONTEÚDO JORNALISTÍCO PARA MAIORES DE 18 ANOS
Home > SAÚDE > Estudo: extrato de cânhamo promove perda de peso

Estudo: extrato de cânhamo promove perda de peso

/

Estudo aponta que extrato de cânhamo rico em THCV promove a perda de peso.

Ao que tudo indica, a maconha pode ser um excelente antídoto para a obesidade. Pelo menos é o sugere mais um estudo científico, dessa vez feito nos Estados Unidos, mostrando que um tipo específico de extrato de cânhamo promoveu a perda de peso em todos os participantes.

O estudo clínico humano randomizado, duplo-cego e controlado por placebo envolveu 125 indivíduos, que foram acompanhados durante 90 dias.

O objetivo foi avaliar os efeitos de um extrato de cânhamo produzido pela empresa ECS Brands, chamado Nitro-V.

Resultados

Segundo comunicado à imprensa, os resultados mostram que o índice de massa corporal médio (IMC) dos participantes que receberam o extrato de cânhamo caiu três pontos, sendo que alguns emagreceram até 10 quilos durante o período de três meses, sem mudanças na dieta ou na rotina de atividade física. 

Houve ainda redução de 61% na fome e 40% da compulsão alimentar. Além disso, 52% dos participantes também reportaram diminuição na ansiedade.

Os resultados estão em contraste com o grupo de placebo, no qual 64% dos participantes ganharam peso ou permaneceram com o mesmo peso do início da avaliação.

Cânhamo como solução para o emagrecimento

O óleo de cânhamo utilizado no estudo é de espectro total, com níveis naturalmente elevados dos canabinoides tetrahidrocanabivarina (THCV) e canabidivarina (CBDV).

Esta não é a primeira vez que o THCV é usado para ajudar na perda de peso, bem como em outras doenças. Estudos anteriores já apontaram que suas propriedades são altamente eficazes para ajudar a diminuir a fome.

A pesquisa mostrou ainda que o THCV e o CBDV possuem propriedades analgésicas e anticonvulsivas que são ainda mais intensas que o CBD. 

*Junte-se à roda do Maryjuana no Telegram e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
You may also like
Estudo aponta que maconha reduz a dor, mas piora o autocuidado
Colômbia autoriza uso industrial da maconha e sua exportação com fins terapêuticos
78% dos brasileiros são favoráveis ao uso terapêutico da maconha
Empresa colombiana contrata mães solteiras para a produção de maconha

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.